Equipa

Carlos Costa

Direção Artística

(Porto, 1969)

Iniciou atividade no CITAC em 1992 e fundou o Visões Úteis em 1994. Exerce atividade como dramaturgo, dramaturgista, encenador e ator, destacando-se a coautoria de inúmeros processos de criação original tanto para teatro como para Performance na Paisagem e em Comunidade, muitos deles alvo de leituras vídeo e integração em parcerias internacionais, assumindo também a direção destas últimas. A sua obra para teatro tem sido sucessivamente publicada pelas editoras de referência em Portugal. Em 2018 lançou o seu primeiro romance, e em 2021 o segundo, ambos com chancela da Teodolito.

Em 2009, foi responsável, no Visões Úteis, pela introdução do Serviço Educativo, do Programa de Artistas Associados e da compensação pela pegada carbono da produção artística. Em 2018, abriu uma mais ampla linha de curadoria e programação, reforçando a integração dos processos criativos contemporâneos nas comunidades envolventes, bem como o papel da arte como fator de inclusão, participação política, qualidade de vida e, mais recentemente, desenvolvimento do território; e ainda colocando a sustentabilidade ecológica da atividade, não só na agenda do Visões Úteis mas também do setor das artes performativas.

É Professor Auxiliar Convidado da Universidade de Coimbra, onde é responsável pelas disciplinas de História do Teatro e do Espetáculo II e Dramaturgia e Escrita Teatral, respetivamente na Licenciatura e Mestrado em Estudos Artísticos. Entre 2005 e 2013 foi professor de Dramaturgia na Academia Contemporânea do Espetáculo, no Porto. Em 2022, começou a colaborar com a A3ES – agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior, enquanto membro de Comissões de Avaliação Externas dos ciclos de estudo na área do teatro. É também Investigador Integrado do CEIS20 - Centro de Estudos Interdisciplinares, da Universidade de Coimbra, assumindo a coordenação da linha dedicada à Produção Artística e Cultural, tendo como áreas de interesse: Profissionalização, identidade, inscrição, memória e arquivo.

É membro dos órgãos sociais da PLATEIA – Associação de Profissionais das Artes Cénicas e da GDA - Direitos dos Artistas, e participante ativo no IETM – International Network for Contemporary Performing Arts, onde integrou o Advisory Board, entre 2013 e 2016; no mesmo período integrou também o Conselho de Curadores da Fundação GDA.

Frequentou a licenciatura em História na Universidade Aberta, é licenciado em Direito e pós-graduado em Estudos Europeus (vertente de Economia) pela Universidade de Coimbra, Mestre em Texto Dramático pela Universidade do Porto e Doutor em Estudos Teatrais e Performativos pela Universidade de Coimbra.