Visões Úteis

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Responsabilidade Ambiental

Responsabilidade Ambiental

Os gases do efeito estufa (GEE) ou gases estufa são substâncias gasosas que absorvem parte da radiação infra-vermelha, emitida principalmente pela superfície terrestre, e dificultam a sua emissão para o espaço, mantendo a Terra aquecida. O efeito estufa é um fenómeno natural. Esse fenómeno acontece desde a formação da Terra e é necessário para a manutenção da vida no planeta. No entanto o aumento dos gases estufa na atmosfera tem ultrapassado esse fenómeno natural, causando um aumento anormal da temperatura e consequentemente uma mudança climática que, segundo especialistas, pode ser potencialmente catastrófica.

O nível actual de emissão de gás carbónico na atmosfera é o mais elevado dos últimos 420 mil anos. Os oito anos mais quentes da História ocorreram na última década. Os GEE são os grandes responsáveis pelas mudanças climáticas no nosso planeta, em especial pelo aquecimento global, que está a provocar incêndios florestais, mudança das correntes marítimas, degelo e elevação do nível dos oceanos. E entre os gases do efeito estufa que estão a aumentar de concentração, o dióxido de carbono CO2, o metano CH4 e o óxido nitroso N2O são os mais importantes.

Ao introduzir uma taxa carbono no seu orçamento anual de despesas, o Visões Úteis espera contribuir, de uma forma positiva e activa, não só para a consciencialização do problema das emissões e gases estufa, mas também, de uma forma directa, para apoiar entidades que se dediquem à preservação do meio ambiente e sustentabilidade energética.

Este é um custo pelo qual insistimos em nos responsabilizar e que se aplica não só a qualquer tipo de deslocação susceptível de produzir gases estufa, nomeadamente automóvel e avião, mas também ao consumo corrente de energia nas nossas instalações. Deste modo procedemos, desde 2009, ao cálculo anual da emissão de gases associada ao desenvolvimento da nossa atividade e consideramos essa pegada ecológica como um custo que a produção obrigatoriamente assume, comprometendo-nos a contribuir, em igual medida, para projetos cuja atividade permita reduzir as emissões mundiais de carbono. O objetivo é um equilíbrio entre as nossas emissões e as nossos contribuições, para que, através desta aquisição informal de créditos de carbono, a atividade do Visões Úteis seja o mais ecológica possível. E para contabilização desta nossa Taxa Carbono utilizamos padrões internacionais de referência.

Em 2015 a atividade do Visões Úteis originou a emissão de 1,39 toneladas de Gases de Efeito de Estufa (0, 77 toneladas referentes ao consumo de combustível, 0,37 toneladas referentes a viagens aéreas e 0,25 toneladas referentes ao consumo de energia elétrica). A compensação destas emissões exigiu – como valor de referência - a plantação de 9 árvores, com um custo de 31 euros.

Em 2016 a atividade do Visões Úteis originou a emissão de 2,59 toneladas de Gases de Efeito de Estufa (0, 85 toneladas referentes ao consumo de combustível, 1,51 toneladas referentes a viagens aéreas e 0,23 toneladas referentes ao consumo de energia elétrica). A compensação destas emissões exigiu – como valor de referência - a plantação de 17 árvores, com um custo de 59 euros.
Ambos os valores relativos à compensação das nossas emissões nos últimos dois anos foram por nós entregues à QUERCUS.

"A Quercus é uma Organização Não Governamental de Ambiente (ONGA) portuguesa fundada a 31 de outubro de 1985. É uma associação independente, apartidária, de âmbito nacional, sem fins lucrativos e constituída por cidadãos que se juntaram em torno do mesmo interesse pela Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais e na Defesa do Ambiente em geral, numa perspectiva de desenvolvimento sustentado.A Associação designa-se Quercus por ser essa a designação comum em latim atribuída aos Carvalhos, às Azinheiras e aos Sobreiros, árvores características dos ecossistemas florestais mais evoluídos que cobriam o nosso país e de que restam, atualmente, apenas relíquias muito degradadas.

Ao longo dos anos, a Quercus tem vindo a ocupar na sociedade portuguesa um lugar simultaneamente irreverente e construtivo na defesa das múltiplas causas da natureza e do ambiente. O seu âmbito de ação abrange hoje diversas áreas temáticas da atualidade ambiental, onde se incluem, além da conservação da natureza e da biodiversidade, a energia, a água, os resíduos, as alterações climáticas, as florestas, o consumo sustentável, a responsabilidade ambiental, entre outras. Este acompanhamento especializado é, em grande parte, suportado pelo trabalho desenvolvido por vários grupos de trabalho e projetos permanentes.

Este estatuto foi progressivamente conquistado através de uma conduta atenta ao real, sem perder o ponto de referência fundamental dos princípios, nem se afastar das necessidades de complementar a denúncia crítica com o esforço para a construção de consensos na sociedade portuguesa, sem os quais nenhum efetivo modelo de desenvolvimento sustentável será possível no nosso país.Uma das características da Quercus é a sua descentralização, através dos 18 Núcleos Regionais espalhados um pouco por todo o país, incluindo as regiões autónomas dos Açores e da Madeira, que acompanham a realidade ambiental e realizam atividades de sensibilização no seu raio geográfico.
Em 1992, a Quercus recebeu o Prémio Global 500 das Nações Unidas e o título de membro honorário da Ordem do Infante D. Henrique, atribuído pelo Senhor Presidente da República, Dr. Mário Soares."
fonte: www.quercus.pt

Finalmente, e para além da Taxa Carbono, o Visões Úteis promove boas práticas ambientais não só em termos quotidianos mas também relativamente à reciclagem de cenografias e equipamentos, sendo uma entidade credenciada, junto da Câmara Municipal do Porto, para deposição de materiais em ecocentros.

Última modificação em Terça, 22 Novembro 2016 18:12

Recentes


O Visões Úteis é uma estrutura financiada

Ministério da CulturaDireção Geral das Artes

O Visões Úteis é membro

Plateia - Associação dos Profissionais das Artes Cénicas IETM - International Network for Contemporary Performing Arts Anna Lindh Foundation

Visões Úteis é associado

Sonoscopia - Associação Cultural e Associação dos Amigos do Teatro da Liberdade da Palestina - The Freedom Theatre ZERO - Associação Sistema Terreste Sustentável