Visões Úteis

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Novidades
Novidades
Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Boom & Bang: Novos Locais e Novas Datas!

Escrito por Ana Vitorino

A “Boom & Bang National Tour” vai arrancar:

A temporada no Porto da nossa 35ª criação está na sua recta final. Se ainda não viu “Boom & Bang” pode ainda fazê-lo nos dias 23, 24 e 25 de Março às 22h no Labirintho Bar.

Em seguida o espectáculo inicia a sua viagem por território nacional:
Estaremos em Paredes, no Bar Zen, às 22h do dia 27 de Março – Dia Mundial do Teatro – e no Centro Cultural de Chaves no dia 1 de Abril às 21h30. Nota: Por motivos alheios ao Visões Úteis, a apresentação de Boom & Bang agendada para o Bar Zen em Paredes foi cancelada.
Mais datas e locais serão anunciados em breve!







“Boom & Bang”
a partir de “The Power of Yes” de David Hare

Duração: 50 minutos
M12
Info: 22 200 6144

Adivinhem quem é a Ministra do governo PS que tem o mesmo discurso da Direita Francesa?

Há cerca de um ano Nicolas Sarkozy afirmava a necessidade de "recentrar os apoios financeiros à criação artística", propondo "uma nova política cultural virada para a qualidade". Segundo o Presidente Francês, o tempo de encorajar a diversidade já teria ficado para trás e agora seria tempo para escolhas de qualidade, "escolhas justas".

Assim, o investimento público deixaria de tentar promover, antes de mais, a diversidade, a pluralidade e a acessibilidade da oferta artística - condições necessárias para o desenvolvimento de uma sociedade democrática, plural e participada - para eleger como finalidade algo tão contingente como a "qualidade". Os contribuintes deixariam de financiar um bem mensurável e objectivo para financiarem algo de imensurável e completamente subjectivo.

Em Setembro do ano passado a PLATEIA alertou precisamente para a necessidade de evitar o "deslize" para Portugal, em nome da recessão, desta perspectiva da criação artística desenquadrada dos nossos tempos e mais própria de regimes que ainda hoje tentamos esquecer (ver http://plateia-apac.blogspot.com/2009/09/mas-em-portugal-ha-politica-cultural.html )

Só não imaginávamos que fosse a Ministra da Cultura do Partido Socialista - Gabriela Canavilhas, em entrevista ao jornal Público, em 24 de Março - a transpor para Portugal os disparates da direita francesa. E logo na semana em que os eleitores franceses penalizaram nas urnas a política de Nicolas Sarkozy.

Que pena, Senhora Ministra.


CIÊNCIARTE  

Os Cursos de Férias do Visões Úteis são um aliciante cruzamento entre arte e ciência, em que se pretende, de forma divertida, despertar nas crianças e jovens (dos 6 aos 14 anos) a curiosidade, aprendizagem e o respeito por si próprias, pelo outro, pelas comunidades de que fazem parte e pelo planeta em que vivem, e valorizar o trabalho em grupo.

Os formadores são profissionais qualificados das respectivas áreas. Os cursos funcionam em datas e horários que servem as necessidades da maioria das famílias.

Datas: 29, 30 e 31 de Março - 1, 5, 6, 7, 8 e 9 de Abril

Horário: 10h às 17h30

Local: Visões Úteis (Fábrica Social)

Propina: 125€ (preço com almoços e seguro incluídos)

 

Formadores:

Ana Azevedo (Coordenadora do Serviço Educativo do Visões Úteis. Orientadora geral do Curso.)

Ana Vargas (Teatro), Cristiana Rocha (Movimento), Edgard Fernandes (Teatro e Marionetas), Inês de Carvalho (Expressão Plástica), João Martins (Música), Sara Schürmann (Ballet), Joana Silva (Biologia), Pedro Carreira (Física), Rosa Amélia Martins e Maria Emília Silva (Matemática)


O Curso poderá ter um máximo de 10 participantes por grupo (dos 6 anos aos 11 e dos 12 aos 14 anos).

O Curso será reconhecido por um Certificado de Participação, entregue a todos os formandos que o frequentarem.


 


Contamos com o apoio do NEC – Núcleo de Experimentação Coreográfica, Professional Balletschool of Porto, Companhia Erva Daninha e Fundação Escultor José Rodrigues.


Para informações mais detalhadas acerca dos conteúdos e para inscrições contactar:

Visões Úteis

Fábrica Social

Rua da Fábrica Social, s/n

4000-201 Porto

Telf: (+351) 22 200 6144

E-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

 





Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Adúlteros Desorientados em Itinerância

Escrito por
a partir de Juan José Millás


Amanhã (20 de Fevereiro) às 21h30 no Teatro Miguel Franco, em Leiria.



Em Março, no dia 13 às 23h no Café-Concerto do Cine-Teatro de Estarreja.




© Visões Úteis



“Adúlteros Desorientados” é uma adaptação da obra “Cuentos de adúlteros desorientados” de Juan José Millás, de quem acaba de ser editado em Portugal o mais recente livro "Os Objectos Chamam-nos" (Planeta Editora).


Texto: Juan José Millás
Dramaturgia, direcção e concepção plástica: Ana Vitorino, Carlos Costa e Catarina Martins
Banda sonora original: João Martins
Desenho de Luz: José Carlos Coelho
Interpretação: Pedro Carreira
Produção executiva: Helena Madeira
Coordenação de montagem e operação de luz e som: Luís Ribeiro



Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Cluny: A Língua das Pedras – 2ª Viagem

Escrito por


Hoje, dia 2 de Março, partimos para a segunda viagem do projecto “A Língua das Pedras”.

Tal como na 1ª viagem, feita de 3 a 11 de Fevereiro, durante uma semana percorreremos os caminhos de Cluny recolhendo sons, imagens e histórias. Desta vez iremos começar por Itália, visitando Provaglio d'Iseo e San Benedetto Po, seguimos para a Suíça, passando por Romainmôtier e Payerne, e depois para a Alemanha, onde passamos duas noites em Alpirsbach. Terminamos esta viagem em França, onde iremos visitar Gaye e Saint-Leu d'Esserent, e apanhamos o avião de regresso ao Porto em Paris no dia 10 de Março.



“A Língua das Pedras” é um projecto de Arte na Paisagem em que se pretende traçar uma cartografia da herança espiritual da Ordem de Cluny na Europa. A ideia é atravessar os doze caminhos que, na Idade Média, partiam da cidade de Cluny em direcção ao mundo, para no fim do projecto criar uma instalação audio-visual que seja o reflexo de um património imaterial com mais de mil anos. Esta instalação estreará em Cluny no próximo mês de Setembro, durante o evento “Toute l'Europe à Cluny”.


Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Boom & Bang - 2ª Temporada

Escrito por Ana Vitorino
(c) Visões Úteis




Para quem não teve a oportunidade de ver em Janeiro, "Boom & Bang" está de volta ao Labirintho Bar já a partir de amanhã. Partindo do texto "The Power of Yes" de David Hare, "Boom & Bang" (35ª criação Visões Úteis) é um espectáculo “portátil” que aborda com humor (o possível!) a crise financeira que atravessamos.
Aproveite para (re)descobrir o renovado espaço do Labirintho Bar onde, se quiser, também pode jantar antes do espectáculo (mediante reserva).

As próximas datas de "Boom & Bang" são:


23, 24, 25 Fevereiro


23, 24, 25 Março


Sempre às 22h

no LABIRINTHO BAR


Labirintho Bar
Rua Nossa Senhora de Fátima, 334
4050-426 Porto
Telf: (+351) 226 007 023

Quarta, 14 Abril 2010 03:24

A LÍNGUA DAS PEDRAS

Escrito por

Esta Quarta-feira, dia 3 Fevereiro 2010, partimos na 1ª viagem de preparação de “A Língua das Pedras”, uma instalação audio-visual que criaremos em Cluny (França).

Aterramos em Lyon e seguimos um percurso por lugares de Cluny; regressando ao Porto no dia 11 de Fevereiro a partir de Marselha.


Este é um projecto de Arte na Paisagem em que se pretende traçar uma cartografia da herança espiritual da Ordem de Cluny na Europa. A ideia é atravessar os doze caminhos que, na Idade Média, partiam da cidade de Cluny em direcção ao mundo, para no fim do projecto criar uma instalação audio-visual que seja o reflexo de um património imaterial com mais de mil anos.

Definidos os conteúdos e perspectivas a abordar nos vários territórios que atravessaremos, contamos com os parceiros locais para nos guiarem, nos albergarem e partilharem connosco as histórias e perspectivas específicas de cada sítio.


Os caminhos que vamos percorrer nesta primeira viagem passam por:

Cluny

La Charité-sur-Loire

Saint-Révérien

Nevers

Souvigny

Lavôute-Chilhac

Carennac

Moissac



Ainda à volta deste projecto, quando regressarmos organizamos o workshop “Entre Viagens” onde abrimos espaço para os participantes colaborarem, a partir dos materiais recolhidos nesta primeira viagem, na definição dos conteúdos da segunda viagem.

Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Boom & Bang - Estreia!

Escrito por Ana Vitorino


Estreia da 35ª criação Visões Úteis

Este é um espectáculo “portátil” em que vamos rir (para não chorar) com a crise financeira que abalou o mundo e que ainda mexe com o quotidiano de todos. A estreia, no Porto, é já no dia 26 Janeiro às 22h no Labirintho Bar, e se quiser também pode jantar connosco! As datas desta temporada são:

26, 27, 28 Janeiro

23, 24, 25 Fevereiro

23, 24, 25 Março

Sempre às 22h

no LABIRINTHO BAR

 

Labirintho Bar 

Rua Nossa Senhora de Fátima, 334
4050-426 Porto
Telf: (+351) 226 007 023





Boom & Bang
a partir de "The Power of Yes" de David Hare

Isto é uma nova espécie de socialismo. É o socialismo para os ricos. Para os outros está tudo na mesma. Só para os bancos é que há socialismo. O resto do pessoal continua tão à rasca como dantes. E é nesta altura que começamos a sentir uma certa sensação de injustiça, ou não é?”


Dramaturgia e Direcção - Ana Vitorino e Carlos Costa
Banda Sonora original e Sonoplastia - João Martins
Interpretação - Ana Vitorino, Carlos Costa e Pedro Carreira
Projecto Fotográfico - Paulo Pimenta
Coordenação Técnica e Operação - Luis Ribeiro
Produção Executiva - Joana Neto
Assistência de Produção - Helena Madeira
Design Gráfico - EntropiaDesign a partir de imagem de Ricardo Lafuente
Produção - Visões Úteis
Duração aproximada - 50 minutos

Classificação Etária - M12
Informações - 22 200 61 44






Sobre o projecto
Na sequência da crise económica que explodiu em Setembro de 2008, o National Theatre (Londres, Inglaterra) encomendou ao dramaturgo David Hare uma peça de teatro que se confrontasse com a referida situação e com os seus protagonistas. E desta forma David Hare dedicou vários meses não só ao estudo da situação mas também a entrevistas pessoais a banqueiros, economistas, especuladores, investidores, administradores, enfim, a todos aqueles que conheciam a história por dentro, desde que, naturalmente, estivessem dispostos a contá-la. O resultado final foi um texto rigoroso e complexo - em que se recusa qualquer desejo excessivo de dramatização e se procura antes contar uma história de ambição e ganância - intitulado “O poder do sim”, e bem a propósito sub-intitulado “Um dramaturgo tenta compreender a crise financeira”, cuja estreia mundial aconteceu, precisamente, no National Theatre de Londres, em Setembro de 2009.
Na versão do Visões Úteis “O Poder do sim” apresenta-se vocacionado para um contacto muito próximo com o público, através do trabalho de 3 actores que convocam uma pluralidade de protagonistas da crise financeira, sem esquecer uma imprescindível aproximação à realidade portuguesa, no que podemos classificar de um espectáculo extremamente divertido, apesar de não ter piada nenhuma! Ou por outras palavras, uma tragicomédia financeira completamente enraizada no nosso aqui e agora.


Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Serviço Educativo - Próximas Actividades

Escrito por Ana Vitorino

Encontram-se abertas as inscrições para as actividades do Serviço Educativo do Visões Úteis:



AULAS DE TEATRO, com Ana Azevedo
A partir de 15 Janeiro 2010

Pretende-se abordar noções básicas de técnicas teatrais, explorando exercícios que consistem essencialmente no trabalho em grupo e no conhecimento pessoal. Estas aulas têm a particularidade de acompanharem os projectos da companhia, trabalhando temas que estão a ser explorados para a construção dos mesmos.

 

Destinatários: Jovens e adultos, a partir dos 14 anos

Local: Fábrica Social, no espaço do Visões Úteis, às Sextas das 18h30 às 20h30.

Preço: 25 euros /mês


Ana Azevedo nasceu em Vila Nova de Famalicão em 1979.

Formada no Balleteatro, Escola Profissional de Teatro do Porto e com pós-graduação em Texto Dramático da Faculdade de Letras do Porto. Frequentou, também, o Curso Superior de Tecnologias da Comunicação Audiovisual. Exerce a actividade de professora de teatro no Balleteatro e coordenadora do Serviço Educativo da Companhia Visões Úteis, onde também participa em alguns projectos como actriz.

 

--

--



WORKSHOP de VOZ, com Marina Freitas
De 4 Fevereiro a 17 Junho 2010

Pretende-se desenvolver as capacidades respiratórias, fonadoras, de articulação e de projecção vocal de cada formando, tendo em conta as suas características individuais. Desta forma os participantes poderão explorar e aperfeiçoar as suas competências de expressão e comunicação.

Destinatários: Maiores de 18 anos que dominem a língua portuguesa e utilizem a voz como ferramenta de trabalho na sua vida profissional.

Local: Fábrica Social, no espaço do Visões Úteis, às Quintas das 19h às 21h.

Preço: 20 euros (inscrição) + 40 euros x 5 meses

 

Marina Freitas nasceu no Porto em 1979.
É licenciada em Teatro / Estudos Teatrais com especialização em voz pela Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo do Instituto Politécnico do Porto.
Teve formação na área de voz com as seguintes pessoas: Maria João Serrão, António Salgado, Maria Luís França e Luís Madureira.
Lecciona cursos de voz falada desde 2003.

 

 

Para inscrições e informações mais detalhadas acerca dos conteúdos:
Visões Úteis
Fábrica Social
Rua da Fábrica Social s/n
4000-201 Porto
E-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar
Tlf: (+351) 22 200 6144


 

Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Sessão de Esclarecimento: Apoios Pontuais e Anuais

Escrito por
Amanhã, dia 13 de Janeiro 2010 às 21h, no espaço do Visões Úteis, na Fábrica Social a PLATEIA promove uma sessão de esclarecimento sobre o concurso aos Apoios Pontuais e Anuais 2010 da DGArtes.


Esta sessão, vocacionada para os criadores mais jovens, está aberta não só aos associados da PLATEIA mas a todos os interessados em geral.

A sessão será coordenada por Jorge Louraço (dramaturgo e crítico que já integrou juris de concursos anteriores), terá também a presença de Carlos Costa (Director da PLATEIA, responsável pelas Políticas Culturais e Socioprofissionnais) e Ada Pereira da Silva (produtora cultural).



As inscrições deverão ser feitas através do telefone 22 200 61 44.

Pág. 35 de 37

Disponível para Itinerância

Recentes


Facebook


O Visões Úteis é uma estrutura financiada

Ministério da CulturaDireção Geral das Artes

O Visões Úteis é membro

Plateia - Associação dos Profissionais das Artes Cénicas IETM - International Network for Contemporary Performing Arts Anna Lindh Foundation

Visões Úteis é associado

Associação dos Amigos do Teatro da Liberdade da Palestina - The Freedom Theatre e ZERO - Associação Sistema Terreste Sustentável