Visões Úteis

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Novidades Visões Úteis
Visões Úteis

Visões Úteis

E-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

"Biodegradáveis" na FLUP

 

Na próxima segunda-feira, dia 17 de novembro, estaremos na Faculdade de Letras da Universidade do Porto a falar de "Biodegradáveis".

A convite do Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa da Faculdade de Letras participaremos no seminário aberto “Práticas Cénicas e Análises de Espectáculo”, orientado por Luís Mestre, para debater a nossa mais recente criação original.

Este seminário decorre no âmbito do Mestrado em Estudos de Teatro e a sessão começará pelas 15h30, na FLUP - Sala G107.

Terça, 11 Novembro 2014 01:29

Biodegradáveis

"Biodegradáveis" Design: Joana Moteiro e Paul Hardman

                                                                                                                 design: Joana Monteiro e Paul Hardman

 

"Temos de nos abrigar. O que vem aí é muito mau. É muito pior do que isto."

 


Sinopse

:
"Biodegradáveis"
- uma coprodução com o Teatro Nacional São João, com a colaboração dos laboratórios Grupo 3B’s (Universidade do Minho) e IPATIMUP (Universidade do Porto)

Uma reflexão sobre os efeitos da passagem do tempo sobre os corpos, o modo como lidamos com a nossa finitude, enquanto homens e enquanto espécie, e a influência dos avanços tecnológicos e científicos na forma como nos vemos e nos definimos (e redefinimos) enquanto humanos.

"Biodegradáveis" parte de uma reflexão em torno dos limites da Biologia humana e do contacto próximo com investigadores científicos, para chegar, com uma saudável dose de humor à mistura, a uma celebração da contínua renovação da vida.

"A transformação em palco, seja de veteranos, seja de jovens, famosos ou desconhecidos, não cessa de deslumbrar. A actuação é pessoal, ao ponto de confundir o espectador sobre os limites convencionais da ficção e realidade, como não pode deixar de ser sempre que a actuação é boa."   Jorge Louraço Figueira in Jornal Público


Biodegradáveis
45ª criação Visões Úteis

texto e direção
Ana Vitorino, Carlos Costa

cenografia e figurinos
Inês de Carvalho

banda sonora original, sonoplastia, grafismos e vídeo
João Martins

desenho de luz
José Carlos Coelho

cocriação
Catarina Ribeiro Santos e Cristóvão Carvalheiro (Porta 27)

coordenação de produção
Marina Freitas

interpretação
Ana Vitorino, Carlos Costa
, Catarina Ribeiro Santos, Cristóvão Carvalheiro

coprodução
Visões Úteis, TNSJ

colaboração
Ipatimup – Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto, Grupo 3B’s - Biomateriais, Biodegradáveis e Biomiméticos da Universidade do Minho

apoio
Adão Oculistas, Ornimundo

duração aproximada
1h30

classificação etária
M/16 anos

"Biodegradáveis" estreou a 6 de novembro de 2014 no Teatro Carlos Alberto (Porto), onde esteve em cena até dia 16. Continua disponível para itinerância.

Terça, 02 Setembro 2014 01:29

Biométricos

"Biométricos" Design: João Martins / entropiadesign

                                                                                                                                              design: João Martins / entropiadesign

 

"Biométricos”, a primeira criação original do Visões Úteis em 2014, integrou a programação do "Serralves em Festa" 2014, em coprodução com a Fundação de Serralves e com o apoio financeiro da Porto Lazer. Um projecto dedicado ao tema do esforço físico, comparando três áreas que normalmente não são relacionadas: a arte, o desporto e o trabalho. Uma reflexão sobre a capacidade de ultrapassar os limites do corpo, mas também sobre as diferenças no valor que habitualmente se atribui ao esforço nestas três áreas, bem como na ideia de beleza que a elas se associa.

Entre os dias 17 de maio e 1 de junho de 2014, “Biométricos” desdobrou-se em três atividades – todas de acesso gratuito - e três espaços diferentes:

Biométricos Rua - Durante duas semanas, o público pôde dirigir-se ao Espaço Montepio na Avenida dos Aliados e requisitar um smartphone que continha a aplicação original "Biométricos". Era então desafiado a escolher o melhor percurso para ligar um conjunto de “estações obrigatórias” no centro da cidade do Porto. A sua localização era continuamente monitorizada por GPS e condicionava a banda sonora ouvida a cada momento. Pelo caminho, o espetador podia descobrir e validar os códigos "Biométricos" espalhados pelas ruas, e escolher as ligações geográficas que implicavam maior ou menor esforço físico.


Biométricos Mira -  Durante três horas, na tarde de 24 de maio, juntámos no Espaço Mira um grupo de convidados ligados ao desporto, às artes e a trabalhos que implicam especial esforço físico. Uma espécie de “instalação viva” onde foram replicadas as suas atividades - da performance de ator à ultramaratona, do desenho às artes marciais, do trabalho operário aos cantares e danças inspirados no trabalho rural. O público pôde não só comparar ao vivo os esforços das várias áreas, mas também aceder a dados informativos e biométricos dos participantes, medidos em tempo real. Tinha ainda oportunidade de medir alguns dos seus próprios dados, e compará-los com os daqueles profissionais. A endocrinologista Isabel do Carmo, o ator António Fonseca, o Núcleo de Etnografia e Folclore da Universidade do Porto (NEFUP) e a atleta Ester Alves foram alguns dos participantes convidados.


Biométricos Parque - Durante os dois dias do "Serralves em Festa" ocupámos parte dos jardins de Serralves com um original jogo de equipas, onde desporto e arte se misturavam. O Visões Úteis esteve em campo, defrontando quem quisesse experimentar este divertido jogo, onde a perceção era desafiada e a estratégia de equipa podia ser muito mais importante do que a capacidade física individual. Contámos ainda com uma dupla de comentadores, formada por um jornalista de desporto e um crítico e investigador de teatro, que fez no local o relato em direto das partidas.

.

BIOMÉTRICOS

44ª criação Visões Úteis

Direção: Ana Vitorino, Carlos Costa e João Martins

Cocriação: Inês de Carvalho

Leitura Vídeo: Alexandre Martins
Imagem: João Martins / entropiadesign

Coordenação de Produção: Marina Freitas

BIOMÉTRICOS RUA

Concepção e interface da aplicação, banda sonora original e sonoplastia: João Martins

Programação: Óscar Rodrigues (Digitópia/Casa da Música)

Textos: Ana Vitorino, Carlos Costa e João Martins e entrevistas com Alexandre Viegas, António Fonseca, Conceição Martins, Ester Alves e Isabel do Carmo.

Interpretação: Ana Vitorino, Carlos Costa, Inês de Carvalho, João Martins, José Carlos Gomes e Marina Freitas e ainda Alexandre Viegas, António Fonseca, Conceição Martins, Ester Alves e Isabel do Carmo.

Com citações de Alberta Lemos, Carlos Sá, Filippo Tommaso Marinetti, Hugo Ball, La Fontaine por Curvo Semedo e Marion Bartoli. A banda sonora inclui registos de ensaio do NEFUP, de situações em contexto de trabalho e desporto, e um excerto da transmissão de uma partida de ténis entre Michelle Brito e Maria Sharapova.


BIOMÉTRICOS MIRA

Com a participação de Alexandre Viegas, António Fonseca, Conceição Martins, Ester Alves, Inês de Carvalho, Isabel do Carmo, João Tiago Fernandes, Jorge Palinhos, NEFUP – Núcleo de Etnografia e Folclore da Universidade do Porto: Adriana Costa, Belisanda Cavaleiro, Carmo Pacheco, Conceição Aguiar, Fernando Fangueiro, Helena Queirós, João Ferreira, José Fróis, José Gabriel, Luís Pacheco, Luís Ramos, Manuel Friães, Márcia Santos, Margarida Luz, Paula Silva, Rogério Pinto, Vasco Ferreira e Teresa Ruiz e Cláudia Bastos (off) e a colaboração de Catarina Bettencourt/Farmácia Barreiros

Com textos originais de Isabel do Carmo, excertos de “Os Lusíadas” de Luiz Vaz de Camões e músicas tradicionais portuguesas.


BIOMÉTRICOS PARQUE

Conceção Plástica: Inês de Carvalho
Relato: Fernando Eurico/Antena 1
Comentários
: Jorge Palinhos

O projeto "Biométricos" estreou no dia 17 de maio e esteve disponível ao público até dia 1 de junho de 2014, em três calendários e espaços diferentes: Biométricos Rua - de 17 de maio a 1 de junho no centro do Porto, com partida do Espaço Montepio; Biométricos Mira - dia 24 de maio no Espaço Mira; Biométricos Parque - dias 31 de maio e 1 de junho no "Serralves em Festa 2014" (jardins de Serralves)


 

Segunda, 10 Novembro 2014 23:28

Aviso: Contactar o Visões Úteis esta semana

Avisamos que, por motivo de obras nas nossas instalações na Fábrica Social - Fundação Escultor José Rodrigues, não estaremos contactáveis presencialmente ou por telefone fixo até ao próximo dia 17 (segunda-feira).

Se precisar de nos contactar durante esta semana, por favor faça-o preferencialmente para o endereço eletrónico Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar

Em caso de urgência pode também ligar-nos para o telemóvel 93 176 5475.

Obrigado!

Terça, 28 Outubro 2014 22:48

"Biodegradáveis" - Estreia Absoluta!

Biodegradáveis - Design: Joana Monteiro e Paul Hardman
                                                                                  design: Joana Monteiro e Paul Hardman

 

Estreia já no próximo dia 6 de novembro no Teatro Carlos Alberto a nossa mais recente criação original: "Biodegradáveis" - uma coprodução com o Teatro Nacional São João que conta com a colaboração dos laboratórios Grupo 3B’s (Universidade do Minho) e IPATIMUP (Universidade do Porto)

Uma reflexão sobre os efeitos da passagem do tempo sobre os corpos, o modo como lidamos com a nossa finitude, enquanto homens e enquanto espécie, e a influência dos avanços tecnológicos e científicos na forma como nos vemos e nos definimos (e redefinimos) enquanto humanos.

"Biodegradáveis" parte de uma reflexão em torno dos limites da Biologia humana e do contacto próximo com investigadores científicos, para chegar, com uma saudável dose de humor à mistura, a uma celebração da contínua renovação da vida.

Espetáculo para maiores de 16
Duração aproximada: 1h30


Local: Teatro Carlos Alberto / Porto

Data: de 6 a 16 de novembro
Horário: quarta a sábado - 21h30, domingo - 16h

texto e direção - Ana Vitorino, Carlos Costa cenografia e figurinos - Inês de Carvalho banda sonora original, sonoplastia, grafismos e vídeo - João Martins desenho de luz - José Carlos Coelho cocriação - Catarina Ribeiro Santos e Cristóvão Carvalheiro (Porta 27) coordenação de produção - Marina Freitas interpretação - Ana Vitorino, Carlos Costa, Catarina Ribeiro Santos, Cristóvão Carvalheiro coprodução - Visões Úteis, TNSJ colaboração - Ipatimup – Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto, Grupo 3B’s - Biomateriais, Biodegradáveis e Biomiméticos da Universidade do Minho apoio Adão Oculistas, Ornimundo

Refletimos acerca do modo como a ciência vai modificando os nossos comportamentos, a imagem que temos de nós próprios, a forma como envelhecemos e o modo como representamos o mundo.

"O Contrabaixo" Foto de Paulo Pimenta


Em janeiro de 2005 estreávamos no bar Triplex a nossa adaptação de "O Contrabaixo" de Patrick Süskind. Uma versão dividida em sete episódios curtos, cada um deles dedicado a um dos sete pecados mortais e marcado pela presença de um músico que acompanhava o ator Pedro Carreira.

Nos dez anos seguintes, "O Contrabaixo" adaptou-se, passando a versão alargada de 50 minutos, e apresentou-se de Norte a Sul do país (em algumas cidades mais do que uma vez), num exemplo de longevidade único na história do Visões Úteis.

Este mês, e como que fechando esta década de apresentações, o espetáculo volta à cena, agora no Centro Cultural de Paredes de Coura no próximo dia 17 de outubro. O músico João Martins acompanha Pedro Carreira nesta apresentação; o bilhete tem o preço de 2€.

Parabéns à equipa e a todos os colabradores que ao longo destes anos foram dando vida a este "Contrabaixo".
Venham mais dez?

Local: Centro Cultural de Paredes de Coura
Avenida Cónego Bernardo Chousal, 4940-520 Paredes de Coura
Data: 17 de outubro (sexta)
Horário: 21h30

Esta semana fechamos as inscrições para as Aulas de Teatro 2014/2015 do nosso Serviço Educativo.
Os interessados podem contactar-nos até ao próximo dia 2 de outubro (5ª feira) inclusive para efetuar a inscrição.

E ainda esta semana abrimos as candidaturas para o programa Artistas Associados, referentes aos anos de 2015/2016. O programa destina-se a jovens criadores ou entidades de criação do Grande Porto que possam beneficiar da partilha dos recursos do Visões Úteis na solidificação do seu projeto ou estrutura.

Consulte toda a informação na Secção Artistas Associados.

Domingo, 28 Setembro 2014 18:02

Candidaturas para 2015/2016

O próximo período de candidaturas para o programa de Artistas Associados Visões Úteis decorre entre 1 de Outubro e 30 de Novembro de 2014 e refere-se à Associação durante os anos de 2015 e 2016. Não existem formalidades especiais e as linhas de orientação são as seguintes:

  1. Podem candidatar-se artistas performativos, portugueses ou estrangeiros, em nome individual ou coletivo (formal ou informalmente organizados) que estejam a iniciar atividade profissional sediada na área do Grande Porto.
  2. O Visões Úteis partilhará os seus recursos de produção com o Artista Associado, apoiando-o nos mais diversos níveis da sua atividade:
    • cedência de espaço de ensaios
    • coordenação de produção, coordenação técnica e coordenação de comunicação
    • orientação da pesquisa de financiamento e da elaboração das respetivas candidaturas
    • abertura de linha de tesouraria para a produção
    • empréstimo de material técnico (luz, som e video)
    • (e se possível) envolvimento privilegiado, como formador, nas actividades do nosso Serviço Educativo

Apesar de o processo de Associação poder naturalmente gerar algum tipo de cumplicidade artística, esta não é objetivo prioritário da iniciativa, pelo que o Artista Associado conserva uma plena autonomia estética.

Para se candidatar basta contactar-nos por e-mail ( Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar ) e enviar-nos informação sobre o projeto ou entidade que pretende integrar o programa.


Conjugar o lado artístico de uma companhia jovem com o lado burocrático e estrutural de um mercado profissional que está em constante mudança é um trabalho herculeano. Termos tido o apoio (quer de material quer de conhecimento) do Visões Úteis ajudou-nos não só a perceber o mecanismo da produção teatral de forma mais organizada, mas também a definirmos o nosso caminho enquanto companhia, enquanto coletivo. Durante dois anos tivemos um irmão mais velho, que tem a experiência do caminho, a indicar-nos as ferramentas para os possíveis trilhos a seguir.

Cristóvão Carvalheiro
Porta 27 - Artista Associado 2013/2014

Terça, 23 Setembro 2014 22:49

Porta 27 estreia "Há Um Elefante Na Sala"

A nossa próxima criação "Biodegradáveis" é marcada por uma colaboração inédita entre o Visões Úteis e os seus Artistas Associados: os atores Catarina Ribeiro Santos e Cristóvão Carvalheiro da Porta 27 juntam-se a Ana Vitorino e Carlos Costa no elenco que sobe ao palco do Teatro Carlos Alberto a partir do dia 6 de novembro!

Mas ainda antes - já no dia 30 de setembro - a Porta estreia na sala Estúdio Latino/Teatro Sá da Bandeira a criação original "Há um elefante na sala":

Porta 27 "Há um elefante na sala"


"Nelson Nunes é o vendedor mais bem-sucedido da sua zona: astuto, com garra, um homem que não se deixa enganar, que se safa sempre e sem precisar de favores. Ou seja, é um típico português... Podia até ser um cruzamento único de Macgyver com Rambo das loiças sanitárias? Ele afirmaria que sim. E nenhum obstáculo, por maior que seja, é capaz de o parar."

"Há um elefante na sala", espetáculo para maiores de 16 anos, tem texto original de Suzanna Rodrigues e encenação de Ricardo Alves. A interpretação está a cargo de Tiago Lourenço, com a participação especial de Catarina Ribeiro Santos / Cristóvão Carvalheiro.

Duração: 70 min / Preço: 5€

Local: Teatro Sá da Bandeira / Estúdio Latino
Data: de 30 de setembro a 5 de outubro (todos os dias)
Horário: 21h30 / domingo também às 16h 

Domingo, 07 Setembro 2014 18:22

"Boom & Bang" em Valverde-Évora

Quando no início de 2010 estreámos o espetáculo "Boom & Bang" e acrescentámos ao texto original de David Hare "Conhece algum banco que não faça cosmética?" o comentário "Olha o BES!", estávamos longe de imaginar o recente descalabro associado à empresa.

Todos os dias os noticiários nos mostram que, passados quase 5 anos desde o início da sua viagem por Portugal e pelo estrangeiro, "Boom & Bang" continua atual... tristemente atual, diríamos!

No próximo dia 13 (sábado) apresentamos esta tragicomédia da crise financeira em Valverde - Évora, a convite da Exquorum.
A apresentação acontece como parte da iniciativa CICLOSEXQUORUM integrada no Cenas Ao Sul.

Local: Valverde - Évora
Data: 13 de setembro (sábado)
Horário: 22h

Pág. 23 de 28

Facebook


O Visões Úteis é uma estrutura financiada

Ministério da CulturaDireção Geral das Artes

O Visões Úteis é membro

Plateia - Associação dos Profissionais das Artes Cénicas IETM - International Network for Contemporary Performing Arts Anna Lindh Foundation

Visões Úteis é associado

Associação dos Amigos do Teatro da Liberdade da Palestina - The Freedom Theatre e ZERO - Associação Sistema Terreste Sustentável