Visões Úteis

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Novidades Boom & Bang - Estreia!
Quarta, 14 Abril 2010 03:24

Boom & Bang - Estreia!

Escrito por  Ana Vitorino
Classifique este artigo
(0 votos)


Estreia da 35ª criação Visões Úteis

Este é um espectáculo “portátil” em que vamos rir (para não chorar) com a crise financeira que abalou o mundo e que ainda mexe com o quotidiano de todos. A estreia, no Porto, é já no dia 26 Janeiro às 22h no Labirintho Bar, e se quiser também pode jantar connosco! As datas desta temporada são:

26, 27, 28 Janeiro

23, 24, 25 Fevereiro

23, 24, 25 Março

Sempre às 22h

no LABIRINTHO BAR

 

Labirintho Bar 

Rua Nossa Senhora de Fátima, 334
4050-426 Porto
Telf: (+351) 226 007 023





Boom & Bang
a partir de "The Power of Yes" de David Hare

Isto é uma nova espécie de socialismo. É o socialismo para os ricos. Para os outros está tudo na mesma. Só para os bancos é que há socialismo. O resto do pessoal continua tão à rasca como dantes. E é nesta altura que começamos a sentir uma certa sensação de injustiça, ou não é?”


Dramaturgia e Direcção - Ana Vitorino e Carlos Costa
Banda Sonora original e Sonoplastia - João Martins
Interpretação - Ana Vitorino, Carlos Costa e Pedro Carreira
Projecto Fotográfico - Paulo Pimenta
Coordenação Técnica e Operação - Luis Ribeiro
Produção Executiva - Joana Neto
Assistência de Produção - Helena Madeira
Design Gráfico - EntropiaDesign a partir de imagem de Ricardo Lafuente
Produção - Visões Úteis
Duração aproximada - 50 minutos

Classificação Etária - M12
Informações - 22 200 61 44






Sobre o projecto
Na sequência da crise económica que explodiu em Setembro de 2008, o National Theatre (Londres, Inglaterra) encomendou ao dramaturgo David Hare uma peça de teatro que se confrontasse com a referida situação e com os seus protagonistas. E desta forma David Hare dedicou vários meses não só ao estudo da situação mas também a entrevistas pessoais a banqueiros, economistas, especuladores, investidores, administradores, enfim, a todos aqueles que conheciam a história por dentro, desde que, naturalmente, estivessem dispostos a contá-la. O resultado final foi um texto rigoroso e complexo - em que se recusa qualquer desejo excessivo de dramatização e se procura antes contar uma história de ambição e ganância - intitulado “O poder do sim”, e bem a propósito sub-intitulado “Um dramaturgo tenta compreender a crise financeira”, cuja estreia mundial aconteceu, precisamente, no National Theatre de Londres, em Setembro de 2009.
Na versão do Visões Úteis “O Poder do sim” apresenta-se vocacionado para um contacto muito próximo com o público, através do trabalho de 3 actores que convocam uma pluralidade de protagonistas da crise financeira, sem esquecer uma imprescindível aproximação à realidade portuguesa, no que podemos classificar de um espectáculo extremamente divertido, apesar de não ter piada nenhuma! Ou por outras palavras, uma tragicomédia financeira completamente enraizada no nosso aqui e agora.


Última modificação em Sexta, 29 Outubro 2010 14:34

Facebook


O Visões Úteis é uma estrutura financiada

Ministério da CulturaDireção Geral das Artes

O Visões Úteis é membro

Plateia - Associação dos Profissionais das Artes Cénicas IETM - International Network for Contemporary Performing Arts Anna Lindh Foundation

Visões Úteis é associado

Associação dos Amigos do Teatro da Liberdade da Palestina - The Freedom Theatre e ZERO - Associação Sistema Terreste Sustentável