Visões Úteis

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Financiamento Mostrar artigos por etiqueta: política cultural
Tudo o que queria saber sobre o financiamento da actividade do Visões Úteis
Quarta, 01 Novembro 2017 18:05

Orçamento para a Cultura 2018

 

A proposta de Orçamento de Estado para 2018 veio confirmar que a cultura permanece no grau zero do financiamento público, e que continuará a enfrentar tempos de incerteza, de desvalorização e de degradação.

Na sequência destas notícias, a Plataforma Cultura em Luta elaborou um comunicado que está disponível para subscrição e organiza uma ação pública no próximo dia 6 de novembro, às 18h:

- em Lisboa (Campo das Cebolas)

- no Porto (Praça Carlos Alberto)

Publicado em Novidades

European Alliance logo


As prioridades da União Europeia para 2020-2030 estão agora a ser definidas. Serão estas prioridades a condicionar não só as políticas europeias mas também as políticas nacionais. No entanto, nos textos iniciais nada é dito sobre Cultura e Artes.

O movimento 2030 Alliance for Culture and the Arts lança um apelo – em cuja reflexão e redação a Associação Plateia participou ao longo de 2015 – para que os decisores políticos repensem a Europa, incluindo a Cultura e as Artes nas prioridades estratégicas de longo prazo do projeto europeu.
Deste modo a UE reconheceria o papel essencial da Cultura e das Artes no desenvolvimento das sociedades europeias. O movimento foi lançado, à escala europeia, em 19 de abril, em Bruxelas, aquando da entrega do apelo ao Comissário Europeu da Cultura, Tibor Navracsics.

Mais informações e subscrições do movimento em https://allianceforculture.com

Publicado em Novidades
Sexta, 11 Março 2016 15:42

Jornadas de Teatro do TNDMII

"Luz de Trabalho" Foto:TNDMII
                                             Foto: TNDMII

No próximo dia 15 de março (3ª) participamos nas Jornadas de Teatro promovidas pelo Teatro Nacional D. Maria II, que decorrem na Sala Garrett.

Coordenadas por Eugénia Vasques, Gonçalo Amorim, Joana Craveiro e Tiago Rodrigues, as jornadas reúnem criadores e profissionais de teatro de todo o país, e debaterão temas como o apoio às artes, as condições de produção, circulação e internacionalização teatral, a precariedade laboral e as políticas culturais.

Carlos Costa fará uma intervenção no âmbito do PAINEL 3, dedicado ao tema "Estatuto do trabalhador do espetáculo, Recibos Verdes e Segurança Social".

Consulte aqui a programação completa desta Jornadas.

Publicado em Novidades

Fórum Precariedade e Desemprego 2015

 



No próximo domingo, dia 6 de dezembro, participamos no debate "A Cultura dá muito trabalho?" organizado pelos Precários Inflexíveis.

Este debate está integrado na terceira edição do Fórum Precariedade e Desemprego, que decorre este ano no Porto, entre os dias 4 e 6 de dezembro.

O encontro está agendado para as 14h30 na Galeria Geraldes (Rua de Santo Ildefonso, 225). Para além da participação de Carlos Costa, conta ainda com as intervenções de Rui Spranger e Gonçalo Amorim, e com a moderação de Amarílis Felizes.

Publicado em Novidades
Segunda, 01 Junho 2015 13:51

Visões Úteis no FIGAC 2015

Figac 2015

 

Esta semana, a 2 e 3 de junho, acontece em Viana do Castelo a 6ª edição do Fórum Internacional de Gestão Artística e Cultural organizado pelos alunos finalistas do curso de licenciatura em Gestão Artística e Cultural do Instituto Politécnico de Viana do Castelo.

O FIGAC 2015, que decorrerá nas instalações do IPVC, terá como pano de fundo o Programa Europa Criativa e como tema a “Cooperação Cultural Transnacional”. O Visões Úteis participará neste encontro, integrando a "Mesa-redonda 3 - Redes Culturais: Cooperação e Internacionalização" que terá lugar no dia 3 de junho de 2015, a partir das 14h, onde estaremos à conversa sobre a experiência de participação no IETM - International Network for Contemporary Performing Arts do qual somos membro e parte do Advisory Board.
Esta mesa integrará ainda representantes das redes 5 Sentidos, Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central, 3C4 Incubators, Festival Sete Sóis Sete Luas e ARTEMREDE.

Consulte aqui o programa completo do FIGAC deste ano.

Publicado em Novidades
Terça, 21 Abril 2015 14:27

IETM - Plenário da Primavera em Bergamo

IETM Plenário da Primavera em Bergamo



E já amanhã partimos para Bergamo, na Itália, para participar no Plenário de Primavera do IETM - International Network for Contemporary Performing Arts.  O encontro acontece entre 23 e 26 de abril e tem como tema principal a "Regeneração":


"Hoje, lutando para sair da crise, carregamos a nossa bagagem de projetos não realizados e sonhos esquecidos. Em vez de tentarmos resolver os puzzles desfeitos, temos tendência a constantemente recomeçar do zero.
O IETM regressa a Itália para refletir sobre o modo como podemos reavivar os recursos que já existem, em vez de os abandonar e afastarmo-nos."


O Visões Úteis é membro do IETM e integra, desde 2013, o seu Advisory Board.

Publicado em Novidades
Segunda, 07 Julho 2014 11:39

Rivoli 1994 - 2014

Texto que levámos no passado dia 3 de julho ao debate público que teve lugar frente ao Teatro Municipal Rivoli, promovido na sequência da publicação do documento "Teatro Municipal: Que Serviço Público?":

"Há precisamente 20 anos, em 1994, Isabel Alves Costa, Diretora Artística do Teatro Municipal Rivoli, escrevia ao Vereador da Cultura da CMP uma carta em que apresentava uma proposta para o “Rivoli Vazio”. 

Na altura, o edifício ainda aguardava as obras que o iriam tornar no equipamento que hoje conhecemos, mas a Direção Artística não hesitou em avançar, de imediato, com um programa que se espalhava por todos os espaços do edifício. Um programa, na altura, assente em 4 princípios: formação, experimentação, criação e partilha. E isto era possível porque um edifício não é um programa e um programa não é um edifício.

20 anos depois, já é possível encontrar, infelizmente, uma geração de público e de artistas que não tem memória de um programa de Teatro Municipal, na cidade do Porto. Porque ao longo dos últimos 12 anos, três executivos municipais se demitiram da sua responsabilidade de serviço público, da sua responsabilidade de manter e acarinhar uma esfera pública, que fosse mais do que a mera soma do título de propriedade do edifício e equipamento com a apresentação de espetáculos abertos ao público em geral.

Um Teatro Municipal – um programa de Teatro Municipal – tem de ser uma porta aberta entre a cidade e o mundo. Para sair e para entrar. E sobretudo para transformar os modos de olhar a cidade e da cidade olhar o mundo. Condição essencial para a mudança, para o progresso.

Mas, em 2014, o grande desafio que se coloca à cidade é descobrir como articular democraticamente, por um lado, as necessidades, desejos e aspirações dos cidadãos, e, por outro lado, o sentido do voto expresso por esses mesmos cidadãos em função dos programas eleitorais sufragados nas últimas eleições autárquicas.

E para pensar esta encruzilhada, não deveremos esquecer a experiência acumulada pelo próprio Rivoli, ao longo dos últimos anos de desentendimentos, lutas, ocupações e processos judiciais. Talvez lembrar, mais uma vez, as palavras de Isabel Alves Costa, quando confrontada, em 2005 com o fim anunciado do programa de Teatro Municipal.

“ (…) com o distanciamento que hoje penso ter dos acontecimentos, vejo que teria sido talvez possível reforçar a nossa missão, se tivéssemos tido a coragem de abandonar (…) sem nostalgias do passado, o modelo inicial, e se tivéssemos sido capazes de reinventar um novo. (…) É que, face ao futuro negro que se adivinhava, teria sido necessário, mais do que a nossa desmesurada capacidade de resistir, ter tido uma obstinada capacidade de reconstruir...”

E é este grande dilema de 2014: vamos continuar desmesuradamente a resistir? Ou vamos obstinadamente reconstruir?"

Publicado em Novidades
Sábado, 13 Abril 2013 21:02

Dublin 1: IETM - Plenário de primavera

IETM Plenário da Primavera em Dublin


Este mês participamos no plenário de primavera do IETM — International Network for Contemporary Performing Arts que decorre de entre 11 e 14 de abril na capital irlandesa de Dublin.

O tema deste encontro é a "Confiança" - como podem os cidadãos europeus confiar naqueles que ocupam os cargos de autoridade? Como podem o artistas, curadores, produtores e trabalhadores culturais confiar uns nos outros e nas estruturas criadas para apoiar o seu trabalho? E como podem os públicos aprender a confiar nos seus criadores e a apoiar o desenvolvimento de novos tipos de trabalho?

Durante este plenário, acolhido e organizado pelo Project Arts Centre de Dublin, elegeram-se ainda os novos corpos sociais do IETM, com o nosso Carlos Costa a ser escolhido como membro do Comité de Aconselhamento.

Publicado em Novidades
Terça, 26 Março 2013 22:26

Dia Mundial do Teatro 2013

Neste Dia Mundial do Teatro de 2013, a PLATEIA - Associação de profissionais das artes cénicas e o CENA - Sindicato dos músicos, dos profissionais do espectáculo e do audiovisual realizam uma conferência de imprensa às 18H na Academia Contemporânea do Espectáculo (Praceta Coronel Pacheco, nº1, Porto).

Com o objetivo de partilhar reflexões e denúncias sobre a atual situação do teatro e seus agentes em Portugal, esta conferência de imprensa conta com a presença de elementos da direção de ambas as estruturas: Margarida Barata, Mário Moutinho, Carlos Costa e Julieta Guimarães.

E a mensagem do Dia Mundial do Teatro deste ano é da autoria do dramaturgo, ator e Prémio Nobel da Literatura Dario Fo:

"Passou já muito tempo desde que o poder manifestava a sua a intolerância para com os commedianti expulsando-os do país. Hoje, por causa da crise, os actores e as companhias têm dificuldade em encontrar teatros, espaços públicos e espectadores.

Durante o período do Renascimento em Itália, acontecia o contrário: os que estavam no poder tinham de fazer um esforço significativo para manter nos seus territórios os commedianti, uma vez que estes gozavam de grande popularidade.

É sabido que o grande êxodo de artistas da Commedia dell'Arte aconteceu no século da Contra-Reforma, quando se decretou o desmantelamento de todos os espaços de teatro, especialmente em Roma, devido à acusação de ofenderem a cidade santa.

Em 1697, o Papa Inocêncio XII, sob a pressão de insistentes pedidos da burguesia mais conservadora e dos expoentes do clero, ordenou a demolição do Teatro Tordinona, em cujo palco, segundo os moralistas, tinha sido encenado o maior número de actuações obscenas.

Na época da Contra-Reforma, o cardeal Carlo Borromeo, do Norte de Itália, tinha-se comprometido com o resgate dos “filhos de Milão”, estabelecendo uma clara distinção entre arte - a mais alta forma de educação espiritual - e teatro - a manifestação do profano e de vaidade.

Numa carta dirigida aos seus colaboradores, que cito de improviso, o cardeal expressava-se da seguinte forma: “(...) em relação à erradicação da raiz do mal, fizemos o nosso melhor para queimar textos com discursos infames, para erradicá-los da memória dos homens, e, ao mesmo tempo, para perseguir aqueles que divulgaram tais textos impressos. Evidentemente, no entanto, enquanto dormíamos, o diabo trabalhou com astúcia renovada. Como penetra na alma mais do que os olhos vêem o que se lê nesse tipo de livros! Assim como a palavra falada e o gesto apropriado são muito mais devastadores para as mentes dos adolescentes e jovens do que a palavra morta impressa nos livros. É, portanto, urgente livrar as nossas cidades dos fabricantes de teatro, como fazemos com as almas indesejadas”.
A única solução para a crise está, então, na esperança de que uma grande “expulsão” seja organizada contra nós e, especialmente, contra os jovens que desejam aprender a arte do teatro: uma nova diáspora de commedianti, de fabricantes de teatro, que, certamente, a partir de tal imposição, terão benefícios inimagináveis para uma nova representação."

Dario Fo

(Tradução de Luísa Marinho)
Publicado em Novidades
Quinta, 14 Fevereiro 2013 15:51

Europa Criativa - Questionário Online

"Nos próximos anos a Europa vai investir mais do que nunca no setor cultural e criativo. As razões para isso são o reconhecimento do valor intrínseco da cultura e da criatividade, mas também o facto deste setor contribuir significativamente para o crescimento económico, o emprego, a inovação e a coesão social."

A Comissão Europeia disponibiliza agora um questionário online para entidades culturais e artistas, como parte de um estudo mais amplo que visa identificar os seus principais problemas e necessidades de financiamento, de modo a propor formas mais eficazes de distribuição dos recursos.

O questionário está disponível no site "Europe for Creativity" em Inglês, Francês e Alemão, e pode ser preenchido até meados do mês de março.
Publicado em Novidades
Pág. 1 de 3

O Visões Úteis é uma estrutura financiada

Ministério da CulturaDireção Geral das Artes

O Visões Úteis é membro

Plateia - Associação dos Profissionais das Artes Cénicas IETM - International Network for Contemporary Performing Arts Anna Lindh Foundation

Visões Úteis é associado

Sonoscopia - Associação Cultural e Associação dos Amigos do Teatro da Liberdade da Palestina - The Freedom Theatre ZERO - Associação Sistema Terreste Sustentável